slide

01 janeiro 2015

Adeus ano velho e bem vindo ano novo

Quase um mês sem postagem no blog, me sinto decepcionada comigo mesma, poderia dar desculpas como: eu não tive muito tempo ou estava aproveitando meu descanso, qualquer uma delas seria válida, mas não é suficiente para justificar minha ausência, perdão.
Hoje resolvi sair da cama e de repente escrever-lhes. Compartilhar com vocês minhas reflexões de final de ano.
Sei que ao longo do ano no meio das minhas dificuldade eu me queixava, mas neste dia primeiro, ou neste primeiro dia olho para 2014 e me sinto a vontade de chamá-lo de querido 2014. E as dificuldades? Bem, nem me lembro mais delas.
Foram muitas conquistas, foram muitas novidades foi muita coisa.
Eu entrei para a faculdade e descobri que minha futura profissão pode ser muito prazerosa, tive meu primeiro estágio e descobri que certos medos se tornam bobos, me descobri mais confiante, descobri novos amigos e redescobri os velhos, descobri o quanto sou apaixonada e que o para sempre pode sair dos contos de fada e atuar em nossas vidas.
Eu derramei lágrimas, eu soltei risadas altas, eu expus tímidos sorrisos, me machuquei com o nervosismo e a falta de paciência. Me permiti sentir, me permiti viver.
Sinceramente não me lembro de ter feito muitas metas no final de 2013 e mesmo assim vi muita coisa dar certo, e se tudo for graças a espontaneidade então que ela seja o nosso ingrediente especial de 2015.
Assim como a maioria quero muitas coisas para este ano, os clichês como saúde, paz e amor, mas também quero mais de mim, quero me superar, quero me desafiar, quero ser menos comodidade e mais ação. Meus outros objetivos? Prefiro mantê-los comigo e com aquele que compartilhei.
E por fim não posso prometer escrever mais no blog pois tudo que escrevo depende dos meus sentimentos e da minha inspiração, mas não vou abandoná-lo e espero que vocês também não nos abandone.
Gostaria de saber o que vocês andam pensando neste fim de tarde do dia primeiro ou do primeiro dia, e quais as metas que gostariam de compartilhar, o que esperam para 2015 e o que acharam de 2014.
Feliz novos projetos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário