slide

13 novembro 2014

Enem 2014: dificuldades encontradas

Boa tarde queridos leitores
eu sei que estou um pouco atrasada para falar desse assunto, mas acredite em mim, não foi porque eu quis. Eu tenho andando muito ocupada ultimamente, tenho tido muita coisa na faculdade para fazer, sem contar o próprio Enem.
Bom eu não quero falar nesse post sobre as dificuldades da prova, se estava fácil ou difícil, isso vai de cada um. O que eu quero é expor aqui ou mesmo compartilhar uma dificuldade física que eu compartilhei com milhares de pessoa no último final de semana.
Se você fez o Enem nos dias 8 e 9 de novembro e teve que utilizar o transporte público para chegar até o seu local de prova então você sabe do que eu estou falando! Foi complicado viu, 4 h antes da prova eu estava na parada para pegar o ônibus que demorou 1h para chegar. Da minha casa até a universidade, onde fui colocada foi cerca de 1h40.
Eu cheguei cedo, tive alguns momentos para sentar e relaxar, fiz minha prova e quando terminei lá vem o desespero. Esperei na parada mais de 2 horas para pegar um ônibus que veio LOTADO, me senti um pouco triste pois o motorista não tinha condições de pegar os trabalhadores das paradas, não tinha espaço nem para o nosso oxigênio. Ainda assim parei a uma distância de mais ou menos meia hora da minha casa e completei o caminho a pé. Estava exausta quando cheguei.
O Exame Nacional de Ensino Médio não foi nenhuma surpresa de última hora, eu já esperava que o fluxo de ônibus estivesse reduzido no final de semana, mas não esperava que fosse a tal ponto. Senti sim, uma falta de consideração e atenção com os estudantes, porque não nos foi disponibilizado um número maior de ônibus, não estávamos ali por diversão, a prova em si é um teste as nossas resistências, ainda tínhamos que passar pela experiência de ficar, sabe se lá quantas horas esperando um ônibus para voltar para casa.
Sinceramente me senti desrespeitada
(imagem tirada do site FronteiraWeb)